LOCALIZAR

TRANSLATE

Jessie Penn-Lewis

BIOGRAFIA CRISTÃ Nº 30: Jessie Penn-Lewis (1851-1927) foi uma galesa Evangelista; Escritora; e Conferencista. Penn-Lewis foi um dos principais líderes do Movimento Vida Interior, influenciando vários líderes, por exemplo, T. Austin-Sparks e Watchman Nee.
"Eu [Jesus] Sou a videira, e vocês são os ramos. Quem está unido Comigo e Eu com ele, esse dá muito fruto porque sem Mim vocês não podem fazer nada." (João 15:5, NTLH, SBB).
"Ora, vocês são o Corpo de Cristo, e cada um de vocês, individualmente, é membro desse corpo. Assim, na igreja, Deus estabeleceu primeiramente apóstolos; em segundo lugar, profetas; em terceiro lugar, mestres; depois os que realizam milagres, os que têm dons de curar, os que têm dom de prestar ajuda, os que têm dons de administração e os que falam diversas línguas. São todos apóstolos? São todos profetas? São todos mestres? Têm todos dons de curar? Falam todos em línguas? Todos interpretam? / Entretanto, busquem com dedicação os melhores dons. Passo agora a mostrar-lhes um caminho ainda mais excelente." (1ª Coríntios 12:27-31, NVI, SBI).
"Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; porém o maior destes é o amor." (1ª Coríntios 13:13, VRA, SBB).

Jessie Penn-Lewis
Jessie Penn-Lewis.
(1851-1927)
Jessie Penn-Lewis nasceu em 1851 no País de Gales. Seu pai, Samuel Jones, era um pastor Metodista-Calvinista que exercera o ministério na cidade de Neath, no Condado de Glamorganshire. Seus avôs também eram cristãos Calvinistas.

Seus pais tinham perdido um filho e sua mãe temerosa com a saúde de Jessie fez um voto ao Senhor, consagrando a sua vida para a causa do Reino de Deus.

Penn-Lewis era uma criança inteligente e habilidosa, com temperamento forte e independente. Começou a andar com 9 meses de idade, sempre demonstrando raciocínio rápido. Aos 4 anos de idade começou a ler a Bíblia, seguindo o exemplo de seu pai que era leitor assíduo da Bíblia e de livros Clássicos. Jessie cresceu com a biblioteca do seu pai disponível para a sua leitura. Sua infância e adolescência foi muito sofrida, pois sua saúde era muito frágil e sempre ficava adoecida.

Casou aos 19 anos com um funcionário público britânico, mas não teve filhos. Jessie foi acometida pela tuberculose, devastando seus pulmões. A opinião médica afirmou que ela viveria apenas 6 meses, mas Deus tinha outros planos, ela foi milagrosamente curada. Como sua saúde era frágil, constantemente ficava doente, mas como uma guerreira sempre recobrava a saúde. Certa vez ficou muito doente e o médico falou: "Eu não posso dizer como ela vai, a Sra. Penn-Lewis foge das previsões, ela é uma lei em si mesma.".

Penn-Lewis foi alcançada pelo Senhor Deus através do ministério do Sr. Evan Henry Hopkins.

Evan H. Hopkins (1837-1918) nasceu na Colômbia, América do Sul, mas com 11 anos de idade, foi morar na Grã-Bretanha. Posteriormente, estudou Ciências na Inglaterra, mas antes de continuar os estudos no ramo da Engenharia, foi alcançado pelo Evangelho, alterando o foco dos estudos para o Ministério Cristão.

Hopkins foi impactado pelas mensagens do Quaker americano Robert Pearsall Smith (1827-1898), líder do Movimento Santidade nos Estados Unidos e do Movimento Vida Superior na Grã-Bretanha, cujas mensagens eram fortemente influenciadas pelo Metodismo Reavivalista e pela Teologia Wesleyana de Santificação.

Keswick Ministries
Convenção de Keswick.
http://www.keswickministries.org/
Evan H. Hopkins participou de várias Convenções de Santidade, principalmente da Convenção Keswick que iniciou em 1875 pelo Movimento Vida Superior no Reino Unido e foi fundada pelo anglicano T.D. Harford-Battersby e pelo Quaker Robert Wilson.

Muitos foram influenciados através da Convenção Keswick: Evan H. Hopkins, J.W. Webb-Peploe, E.W. Moore, William Haslam, W. Hay, M.H. Aitken, Handley Moule, F.B. Meyer (batista), Hudson Taylor (Missão para o Interior da China), Amy Carmichael, Barclay Fowell Buxton e Paget Wilkes (Japan Evangelistic Band - JEB), John George Govan (Missão Fé na Escócia), Billy Graham, John Stott, dentre outros.

Jessie Penn-Lewis, com 21 anos, ouviu uma pregação do Sr. Evan H. Hopkins sobre a vitória do cristão por meio da cruz de Cristo. Assim, começaria o ministério de Penn-Lewis caracterizado pela "cruz como identificação do crente com Cristo no poder de Sua morte e a glória de Sua ressurreição", tema principal dos seus discursos e dos seus livros. Até aos 30 anos de idade, Penn-Lewis vivenciou experiências cristãs maravilhosas, o que habitualmente chamamos de "obras do primeiro Amor".

Penn-Lewis também foi muito influenciada pela quietista Madame Guyon e pelo pastor avivalista sul-africano Andrew Murray (1828-1917), os escritos de ambos ajudaram a experienciar a vida profunda em Deus. A maturidade espiritual de Jessie Penn-Lewis e a sua experiência com o Senhor Jesus, com a Sua cruz e com a Sua Palavra influenciaram Theodore Austin-Sparks e Watchman Nee. Austin-Sparks ficou conhecido como o herdeiro espiritual e sucessor de Penn-Lewis.

Em 1895, foi convidada para pregar em uma reunião organizada pela Missão para o Interior da China, fundada por Hudson Taylor. Sua mensagem foi muito impactante e os organizadores da reunião resolveram transcrever e imprimir sua pregação sob o título "O Caminho para a Vida em Deus", que vendeu milhares de exemplares. Jessie Penn-Lewis também desenvolveu comunhão duradoura com Andrew Murray e F.B. Meyer.

Jessie Penn-Lewis foi muito atuante como Evangelista e Conferencista, viajando para a Suécia, Rússia, Escandinávia, Finlândia, Dinamarca, Alemanha, Suíça, Estados Unidos, Canadá, Coréia, Índia e China. O seu trabalho missionário mais importante foi realizado na cidade de Madras ou Madrasta, atual Chennai, capital do Estado de Tamil Nadu, no sul da Índia.

Também, ministrou diversas mensagens no Reino Unido nas Convenções Keswick, MildmayLlandrindod Wells, principalmente mensagens sobre a Cruz e centradas em Cristo - Mateus 16:24, VRA "Então, disse Jesus a seus discípulos: Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me.".

Em 1909, aos 58 anos, fundou a revista The Overcomer (O Vencedor) principiando o Movimento Vencedor.

Jessie Penn-Lewis foi testemunha do Avivamento do País de Gales e associou os seus escritos com Evan Roberts, Líder do Avivamento. Na oportunidade, escreveram o clássico de batalha espiritual "Guerra contra os Santos" acerca das manifestações sobrenaturais provocadas por Satanás e recepcionadas como obras do Espírito Santo. Eles evidenciaram a batalha espiritual para o público cristão e, principalmente, para os obreiros do Senhor que constantemente contatam o mundo espiritual, portanto, precisam de discernimento.

Era uma mulher fisicamente frágil, mas sempre exercitava o seu espírito humano para contatar Deus. Seu ministério foi extraordinário, sempre destacando a importância da cruz de Cristo na vida e na experiência do cristão. Foi uma mulher de espírito humano forte e alma submissa ao mover de Deus. Atualmente, os seus escritos exercem influência direta em milhares de pessoas e indiretamente, em milhões, através dos escritos de T. Austin-Sparks, Watchman Nee, Witness Lee, dentre outros.

Durantes os anos de 1926 e 1927, três vezes Penn-Lewis foi levada para as portas da morte, mas devido às orações e coragem por causa do ministério, ela foi trazida de volta como um milagre. Seu corpo ficou muito fraco, mas seu espírito estava radiante.

Sua vida sempre esteve conectada com os gigantes espirituais de sua época: D.L. Moody, Hudson Taylor, F.B. Meyer, A.B. Simpson e Andrew Murray.

Jessie Penn-Lewis faleceu em 1927, na Inglaterra. Os presentes nos seus últimos momentos, quando ela entrou para a glória, sentiram a presença do Senhor na sala reinando num cenário de fé. Mary Garrard continuou com os trabalhos da revista The Overcomer (O Vencedor) e publicou uma biografia in memorian da Sra. Penn-Lewis.


Oswald Chambers
Oswald Chambers.
(1874-1917)
TESTEMUNHOS:

Sua cruz do Calvário é eminentemente de Deus. O esplêndido tesouro de dor, sua dor, foi incorporada a grandeza do poder de Deus. Seus livros ensinam de forma clara e imponente que o Espírito testemunha na Bíblia e em nossos corações, a saber: (...) que 'o Caminho de Deus' contradiz o senso comum, e pela confiança implícita do Espírito Santo leva ao triunfo da ressurreição. Oswald Chambers [foi um escocês batista, Professor e Evangelista pioneiro do Movimento Santidade no século XX].

[Jessie Penn-Lewis] É a mensagem telegráfica de Deus a um mundo que está morrendo. D.M. Stearns.

Andrew Murray
Andrew Murray.
(1828-1917)
As palavras da Sra. Penn-Lewis foram verdadeiramente proféticas (...) como ela falava da convicção crescente em muitos corações que o Espírito Santo está oferecendo aos mensageiros de Deus para voltarem ao Calvário. Andrew Murray [Cristão sul-africano, Professor e Pastor considerava que as missões eram o foco da igreja. Os seus escritos influenciaram Jessie Penn-Lewis, Watchman Nee, Witness Lee, dentre outros].

[Penn-Lewis] é um dos oradores mais talentosos que o mundo já conheceu! R.A. Torrey. [Reuben Archer Torrey, 1856-1928, foi um americano Educador, Escritor, Pastor e Evangelista. Também foi colaborador de D.L. Moody e serviu na Missão Portas Abertas].


Jessie Penn-Lewis
Jessie Penn-Lewis.
(1851-1927)
SUAS PALAVRAS:

Tudo o que eu tenho, tudo o que sou, tudo o que eu posso ser é Tua, totalmente, absolutamente, e sem reservas... / O Calvário precede o Pentecostes... / A morte com Cristo precede a plenitude do Espírito Santo. Poder! Sim, os filhos de Deus precisam de energia, mas Deus não dá Poder à velha criação, ou para a alma não crucificada (...) Satanás dará poder [latente da alma] para o Velho Adão [Velho Homem], mas Deus não!
Minha vida não é minha, eu não posso fazer nada, mas posso ser obediente à Visão Celestial (...). Deus escolhe as coisas loucas para confundir aquelas que são sábias. Eis-me aqui, levantou-me do túmulo para ser Seu instrumento. Aqui estou para gastar cada respiração para Deus que me concede alento. Nossa casa não é nossa, é de Deus. Nós não temos nada, nossa glória é sermos escravos de Jesus Cristo.
Vi que Deus tinha me dado uma comissão específica (...) mas a objeção surgiu porque eu era uma mulher. Não houve resistência com a mensagem (...) não negaram o selo divino. Todos viram o resultado. (...) portanto, eu não podia deixar de reparar que, embora Deus tenha aberto muitas portas (...) em muitos lugares, as portas foram rapidamente fechadas para a mensagem, porque eu era mulher. / Com grande clamor de coração orei: 'Por que Deus não entregou esta mensagem vital para aqueles que podem entregar sem restrições?' Muitas vezes, nos primeiros anos trabalhando para entregar a mensagem, olhava para a audiência para identificar algum instrumento escondido e escolhido a quem Deus pudesse comissionar (...). Por muitos anos eu chorei a Deus para que Ele levantasse um homem (...) para preencher a Comissão que Ele tinha dado a mim, mas não encontrei nenhum homem (...) Deus tinha cometido esta mensagem para mim, e independente do custo devo seguir...

Posteriormente, Deus atendeu as orações de Penn-Lewis e levantou um homem com o mesmo encargo e que seria o seu sucessor e herdeiro espiritual: Theodore Austin-Sparks.

Jessie Penn-Lewis foi a personificação da Libertação das Mulheres no sentido mais nobre e melhor. Poucas mulheres nos tempos modernos deixaram marcas profundas em sua geração e poucas tem tamanha ousadia bíblica para declarar o valor do seu gênero.

Apesar da sua saúde, do seu gênero e do contexto social-cultural da virada do século, Deus usou Penn-Lewis como um instrumento para ensinar Sua Palavra em muitos países. Sempre pregou o evangelho com profundidade, sua especialidade não era leite para as crianças, mas alimento sólido para os adultos.

O seu ministério ajudou Watchman Nee a entender "a natureza tripartida do homem" e o "aspecto subjetivo da morte de Cristo".

O que podemos aprender com o seu ministério? Essa resposta depende totalmente do nosso interesse e humildade.

Quantas lições espirituais ela ministrou para o Reino de Deus? Tal resposta, somente o Senhor poderá responder naquele Dia que trará à luz as obras cristãs de todos nós (1ª Coríntios 3:12-13).


FONTE:

Livro: A Cruz - O Caminho para o Reino.
Série: Riquezas de Cristo.
Autor: Jessie Penn-Lewis.
Editora: Dos Clássicos. (Brasil).
Páginas: 120.

Livro: Guerra contra os Santos.
Tomo I, Versão Integral.
Série: Alimento Sólido.
Autores: Jessie Penn-Lewis e Evan Roberts.
Editora: Dos Clássicos. (Brasil).
Páginas: 251.

Livro: Guerra contra os Santos.
Tomo II, Versão Integral.
Série: Alimento Sólido.
Autores: Jessie Penn-Lewis e Evan Roberts.
Editora: Dos Clássicos. (Brasil).
Páginas: 210.

Livro: O Poder Latente da Alma.
Série: Alimento Sólido.
Autor: Watchman Nee.
Editora: Dos Clássicos. (Brasil).
Páginas: 168.

Keswick Ministries http://www.keswickministries.org/.







3 comentários:

  1. Oi a paz do Senhor onde compro livros destes homens de Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Louvado seja o Senhor, pois aqui no Brasil temos boas editoras:

      Dos Clássicos;
      Fiel;
      Publicações Evangélicas Selecionadas - PES;
      Depósito de Literatura Cristã - DLC;
      Shedd Publicações;
      Vida Nova; e
      Cultura Cristã.

      Os livros podem ser comprados na internet através dos sites dessas editoras ou em livrarias evangélicas.

      Excluir